ContactosLigações

Congresso Cartógrafo de Memórias: A poética de João Paulo Borges Coelho

13 e 14 de Julho de 2017

Este congresso dedica-se à análise, interpretação e discussão da obra de João Paulo Borges Coelho, referência incontornável da literatura moçambicana contemporânea e das letras em língua portuguesa. A despeito de seu surgimento tardio, há pouco mais de uma década, a escrita de João Paulo Borges Coelho caracteriza-se pela diversidade de formas, originalidade e regularidade, combinação nem sempre fácil de se alcançar. Seus romances, novelas e estórias têm vindo a abrir veredas à literatura moçambicana e cativado a atenção de uma ampla massa crítica. A novidade de sua escrita está ainda na origem do reconhecimento obtido por via de importantes prémios literários: recebeu, em 2005, com o romance As Visitas do Dr. Valdez, o Prémio José Craveirinha da Literatura, a maior distinção literária em Moçambique; com o romance O Olho de Hertzog, conquistou o Prémio Leya 2009.

Doutor em História Económica e Social pela Universidade de Bradford, no Reino Unido, especialista em história da África Austral e professor na Universidade Eduardo Mondlane, em Moçambique, João Paulo Borges Coelho tem dedicado grande parte de seu trabalho académico à investigação das guerras de libertação e civil em Moçambique. A sua obra literária beneficia do cruzamento entre história e literatura. Mas não só.

Empenhada em desestabilizar doxas através de uma pesquisa estética e filosófica sobre o paradoxo, a obra de João Paulo Borges Coelho entrecruza diversos saberes para, além de homenagear o literário em seu encontro com o quotidiano local, repensar as relações entre Moçambique e os universos imperiais e pós-coloniais, índicos e globais.

Convidando os especialistas ao envio de resumos que ampliem a discussão em torno da poética e do imaginário de João Paulo Borges Coelho, o presente congresso privilegiará, entre outras problemáticas:
  • o lugar do autor no campo literário nacional e as suas trocas com a literatura mundial: estratégias de homologação e ruptura;
  • do poético ao político: o poder, os centros e as margens;
  • as fissuras identitárias em Moçambique;
  • as ideias de autoctonia e alteridade enquanto zonas de tensão;
  • a reescrita da História e as suas pontes com outros saberes;
  • a nação e a narração: entre nós e laços;
  • a memória, o esquecimento e os seus usos políticos;
  • o colonial, o pós-colonial e as suas redes de promiscuidade;
  • o tradicional e o moderno: formas, funções, instrumentalizações;
  • os heróis, os anti-heróis e a representação do feminino;
  • João Paulo Borges Coelho e os desafios da teoria.
Para submeter uma proposta, preencha o formulário de submissão das comunicações.

Os resumos podem ser encaminhados em português e/ou inglês.

As comunicações poderão ser feitas nas seguintes línguas: português, inglês, ou espanhol. Contudo, para facilitar o debate entre os participantes, as apresentações em powerpoint devem estar em português ou em inglês.

Comissão Organizadora
  • Sandra Sousa (University of Central Florida, USA)
  • Sheila Pereira Khan (Universidade do Minho, Portugal)
  • Nazir Ahmed Can (Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil)
  • Maria Paula Meneses (Universidade de Coimbra, Portugal)
  • Elena Brugioni (Universidade Estadual de Campinas, Brasil)
  • José Eduardo Franco (CLEPUL, Universidade de Lisboa, Universidade Aberta, Portugal)
  • Luís Pinheiro (CLEPUL, Universidade de Lisboa, Portugal)
  • Cristiana Lucas da Silva (Universidade de Lisboa, Portugal) 

Comissão Científica
  • Almiro Lobo (Universidade Eduardo Mondlane, Moçambique)
  • Ana Mafalda Leite (Universidade de Lisboa, Portugal)
  • Ana Paula Tavares (CLEPUL, Universidade de Lisboa)
  • António Cabrita (escritor, Portugal)
  • Carmen Lucia Tindó Secco (Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil)
  • Fátima Mendonça (Universidade Eduardo Mondlane, Moçambique)
  • Francisco Noa (Universidade Eduardo Mondlane, Moçambique)
  • Jessica Falconi (ISEG, Portugal)
  • José Luís Cabaço (Universidade Técnica de Moçambique)
  • Laura Cavalcante Padilha (Universidade Federal Fluminense, Brasil)
  • Leonor Simas-Almeida (Brown University, USA)
  • Liazzat Bonate (The University of the West Indies, Trinidad and Tobago)
  • Luís Carlos Patraquim (escritor, Moçambique)
  • Margarida Calafate Ribeiro (Universidade de Coimbra, Portugal)
  • Miguel Bandeira Jerónimo (Universidade de Coimbra, Portugal)
  • Omar Ribeiro Thomaz (Universidade Estadual de Campinas, Brasil)
  • Paulo de Medeiros (University of Warwick, Reino Unido)
  • Raul Alves Calane da Silva (escritor, Moçambique)
  • Rita Chaves (Universidade de São Paulo, Brasil)

Para mais informações consulte http://joaopauloborgescoelho.cong.pt/pt/





Fernando Pessoa e o Romantismo. Jornada de Estudos | FLUL, 7 de Dezembro

Congresso Monsenhor José de Castro. Vida, Obra, Pensamento | Sala de Atos da Câmara Municipal de Bragança, 9 de Dezembro

Projeto "Portugueses de papel" - Université Bordeaux Montaigne | 5 de Dezembro, 09H30 às 13H00

Sessão II do Seminário Permanente de Estudos Globais | 29.11.2016 | 18h00 | Biblioteca da INCM



Governo de Portugal FCT QREN Universidade de Lisboa Faculdade de Letras

CLEPUL 2012 (c) Todos os direitos reservados.
Powered by: Switx