Nos próximos dias 29 e 30 de Março decorrerá no Machico e no Funchal o Congresso Internacional Lugares Pioneiro. A Construção das Cidades Globais. Cultura, Religião, Ciência, Inovação e Empatia no âmbito da comemoração dos 600 anos da descoberta da Madeira. 

A chegada ao arquipélago da Madeira e o seu povoamento marcam o arranque da expansão portuguesa, e essa circunstância faz destas ilhas lugares indiscutivelmente pioneiros.

O pioneirismo insular, para além de um dado cronologicamente adquirido, revela-se, ainda, em múltiplos aspetos da vivência das gentes que se instalaram em Machico, Funchal e outros lugares, como competiria aos protagonistas da primeira experiência de vida fora de solo continental.

A celebração dos 600 anos deste evento afirma-se, pois, como momento adequado a uma reflexão alargada, pluridisciplinar e multifacetada, que convoca diversas entidades, perfis, saberes, interesses e experiências que se conjugarão num congresso aberto, participado e vivo. 

Na senda do pioneirismo, aproveitamos, assim, para pensar agora, em conjunto, novos modelos de organização social, novos modelos educativos, novos olhares sobre a ciência, a arte, a história, a literatura e novas criações e fenómenos socioculturais, num evento patrocinado pelas câmaras municipais de Machico e do Funchal.

O mote para o debate é "A construção das Cidades Globais: Cultura, Religião, Ciência, Inovação e Empatia" e o congresso contará com um elenco de especialistas nacionais e internacionais, destacando-se o filósofo e o sociólogo Gilles Lipovetsky.

Para mais informações consulte o site https://lup983.wixsite.com/lugarespioneiros
A ficha de Inscrição encontra-se disponível em  https://docs.google.com/forms/d/1HkKI6n82MLkRl3Zp0YSok9F9TJGCEe5Bg-68775atHs/edit